O Blog está "no ar" desde 04/07/2012. Muito obrigada pela sua visita!
Ressalto que todos os trabalhos apresentados são feitos em Fio de Malha, os Trapilhos (T-shirt Yarn/Zpagetti/Trapillo/Totora/Fettuccia)


A sua opinião sobre o meu trabalho é muito importante para mim! Pode comentar, clicando no item "comentário" existente ao final das postagens. Se gostar do trabalho, não se esqueça que pode recomendá-lo no Google, clicando no final da postagem em g +1. Obrigada/Helena

Translate

domingo, 16 de novembro de 2014

Cestinha com Tampa Rosa em Fio Duplo de Trapilho

Uma cestinha com tampa e feita com fio duplo, um estampado e o outro liso.




Este fio estampado não é de malha, é de pano de algodão mesmo e mais fino do que o liso, este de malha. Para a Receita/Explicações, clique em "Gráficos aqui", ao final da postagem.




Não se esqueça de aumentar as fotos: se apertar a tecla "Ctrl" e, ao mesmo tempo, clicar na foto, ela abre em outra aba com um aumento bem maior do que se apenas clicar nela. Além disso, se clicar de novo na foto já aumentada, ela aumenta mais ainda!


Receita/Explicações

volta 1: como em todos os cestos redondos, começa-se por uma base feita em carreiras circulares. Eu trabalhei com agulha de 10 mm e comecei com 6 pontos baixos num anel mágico. Os aumentos básicos são sempre os mesmos:
volta 2: 2 p. baixos em cada ponto da carreira anterior;
volta 3: 1 p. baixo - 2 p. baixos no ponto seguinte , e repetir a série até ao final;
volta 4:  1 p. baixo - 1 p. baixo no ponto seguinte - 2 p. baixos no ponto seguinte, e repetir esta série até ao final;
volta 5: 1 p. baixo - 1 p. baixo no ponto seguinte - 1 p. baixo no ponto seguinte - 2 p. baixos no ponto seguinte, e repetir esta série até ao final;

Como costumo observar, estes são os aumentos que geralmente funcionam bem, mas também depende da grossura do seu fio. Assim, se notar que a base está a encurvar significa que tem que fazer aumentos maiores. Se, ao contrário, ela começa a ondular, significa que tem que fazer menos aumentos.

Depois da base feita, eu costumo cortar o fio, para depois começar a subir a primeira carreira pegando somente na alça de trás dos pontos da última carreira da base. O número de pontos baixos é o mesmo da última carreira da base, portanto 1 ponto em cada ponto da volta anterior e continua-se "subindo" desta forma. Eu subi 6 carreiras em ponto baixo. Ele ficou meio abauladinho, pois eu passei o fio rosa entre as 2 últimas carreiras e apertei bem para fazer o laço.

Para a tampa, o procedimento foi o mesmo, mas trabalhei em espiral e fiz 5 carreiras circulares: as 4 primeiras com os mesmo aumentos da base, porém, apertando mais o ponto para ele ir encurvando e a 5º volta eu não fiz nenhum aumento, portanto, 1 ponto em cada ponto da volta 4.
Terminei com ponto caranguejo (ponto baixo feito para trás), feito em rosa e pegando somente na alça da frente dos pontos da carreira 5.
Não se esqueça que trabalhei com fio duplo e o fio ficou mais grosso. Dependendo da grossura do fio trabalhado, pode haver necessidade de diminuir os aumentos da tampa para ela ficar assim, bem abaulada.

Finalmente, para a alcinha da pega, fiz um pequeno círculo de 8 correntes e enfiei no pequeno orifício do topo da tampa (tem que ficar bem justo), e prendi do outro lado.

4 comentários:

  1. A ideia da cestinha é bem interessante!!!
    Gostei dos tons!
    bj amigo

    ResponderExcluir
  2. Achei linda a cestinha e a cor, beijo e boa semana

    ResponderExcluir
  3. Lindos,adoro fio de malha,mas não é fácil trabalhar com ele.seus trabalhos são perfeitos,bjs

    ResponderExcluir
  4. Gostei.... Bem criativo...

    ResponderExcluir

Receber o seu comentário me deixa muito feliz! Muito obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...